21 de julho de 2015

FUI VER Homem-Formiga

Olha, quando a Marvel Studios anunciou que iria fazer um filme do Homem-Formiga, confesso que eu falei na hora "Homem-Formiga? Putz, para mim é igualmente chato e inútil como o Aquaman da DC é, porque fariam um filme dele?", e para falar a verdade acho que muita gente deve ter falado o mesmo, pelo menos quem já ouviu falar dele, e os que nunca ouviram falar, com certeza ficaram se perguntando "quem é esse Homem-Formiga? Porque a Marvel tá inventando isso agora?", bom, pelo menos eu ouvi algumas vezes essas duas últimas perguntas. rsrs 

Mas ai que está a coisa, a Marvel não inventou agora esse personagem, na verdade ele foi criado na mesma época que o Homem-Aranha ambos são de 1962 e é mais velho que o Homem de Ferro que é de 1963, é um dos personagens mais velhos da Casa de Ideias e o filme é uma boa surpresa!

Bom, se você não conhece o personagem, o Homem-Formiga apareceu pela primeira vez na HQ Tales to Astonish #27 de janeiro de 1962 e foi criado por Stan Lee, Larry Lieber e Jack Kirby, o primeiro a vestir o uniforme e se tornou o herói foi o Dr. Henry "Hank" Pym, ele é o inventor das Partículas Pym que possibilita, quem é "banhado" por elas, reduzir o seu tamanho a proporções microscópicas, mantendo a mesma força de quando tinha um tamanho normal, o capacete além de proteção, tem a função de se comunicar principalmente com as formigas e em alguns casos outros insetos, o Dr. Pym também é considerado uma das maiores mentes do Universo Marvel, além de ser um dos fundadores originais dos Vingadores, junto com Homem de Ferro, Hulk, Thor e a Vespa. Ele também é responsável pela criação de um dos maiores adversários dos Vingadores, a inteligência artificial Ultron, entre outras grandes invenções e contribuições para a sociedade.

Além de ter sido o Homem-Formiga, Hank Pym também foi também o Jaqueta Amarela (versão herói), quando adaptou a sua formula pode também aumentar de tamanho além de reduzir, adotou o nome de Homem-Gigante, posteriormente de Golias; quando sua esposa Janet van Dyne, a Vespa, veio a falecer por causa da Invasão Skrull, ele adotou o nome de O Vespa em homenagem.

Agora que você já sabe um pouco mais da origem desse personagem quase esquecido e praticamente desconhecido do público "civil", vamos falar do filme SEM DAR SPOILERS, que tem a seguinte sinopse, "Munido com uma habilidade incrível de encolher em escala mas aumentar em força, o ladrão Scott Lang deve abraçar o seu herói interior e ajudar seu mentor, Dr. Hank Pym, a proteger o segredo por trás de seu espetacular uniforme de Homem-Formiga de uma nova geração de ameaças crescentes. Contra obstáculos aparentemente insuperáveis, Pym e Lang devem planejar e executar um assalto que salvará o mundo.", no elenco do filme temos Paul Rudd como Scott Lang/Homem-Formiga, Evangeline Lilly como Hope Van Dyne, Corey Stoll como Jaqueta Amarela, Bobby Cannavale como Paxton, Michael Peña como Luis, Judy Greer como Maggie e Michael Douglas como Hank Pym. A primeira versão do roteiro foi escrita por Edgar Wright e que inicialmente também iria ser o diretor, então quando Wright saiu do projeto que trabalhou por muitos anos, Adam McKay assumiu o posto de roteirista, fazendo as adaptações solicitadas pelo estúdio e a direção ficou com Peyton Reed.

E essa mudança, que aconteceu de repente, foi mais uma coisa que me fez ficar com o pé atrás com esse filme, eu não achava que seria um bom filme por causa do personagem, conheço muito pouco dele e o que conheço acho muito chato, talvez pelo fato de que nos últimos anos, nas HQs o Homem-Formiga foi colocado de lado e deixado como coadjuvante, apenas aparecendo em participações em algumas histórias ou arcos da editora, ai fica difícil se interessar pelo personagem né? Enfim, o fato é que, de acordo com os boatos o filme do Homem-Formiga estaria inicialmente na Fase 1 dos filmes do estúdio, mas acabou ficando de fora por não acreditar que daria certo naquele momento (eu concordo!), tempos depois o filme foi confirmado e que o roteirista e diretor seria Edgar Wright, conhecido pela ótima Trilogia do Cornetto (não conhece? Google...) e por Scott Pilgrim, que já vinha trabalhando a algum tempo no projeto, o cara participou da pré-produção, escolha do elenco, figurinos, tudo que prepara para começar a rodar o filme, então a apenas algumas semanas do inicio das filmagens, ele anuncia que estava deixando o filme, que ele havia trabalhado por mais de 10 anos, e que o motivo da sua saída era por "divergências criativas" com os produtores do filme, ou seja, a Marvel só resolveu fazer o filme do Homem-Formiga por causa do que Wright tinha apresentado, ai vão começar a filmar, algo acontece e depois de tanto tempo trabalhando juntos é que surge as tais divergências criativas? Sério? Putz, não é bom sinal.


Clique para Ampliar
Outra coisa que me deixou desanimado com o filme foi a escolha do protagonista Paul Rudd, o cara praticamente só fez durante 90% de toda a sua carreira filmes de comédia, eu sei que é um preconceito, temos ai o Chris Evans que é um ótimo Capitão América, Bryan Cranston que fez um puta trabalho no Breaking Bad e o Jim Carrey (Show de Truman e Número 23) para provar que atores de comédia sabem fazer papéis sérios e muito bem, mas nunca gostei muito dos personagens que vi o Rudd interpretando, basicamente foram esses 3 fatores que me fizeram ficar com os dois pés atrás com esse filme, cheguei a me perguntar se esse filme seria tão ruim quanto foi o Homem de Ferro 3 e o primeiro Thor.

Mas como disse lá no começo, o filme é uma agradável surpresa, a mudança de diretor e roteirista aparentemente não piorou a história do filme, Paul Rudd está bem demais como Scott Lang, a história é muito bem trabalhada, tem uma duplicidade legal de que ao mesmo tempo que ela é ligada a todo o MCU, mas ao mesmo tempo ela meio que se isola em alguns pontos, tem a aquela característica de humor dos filmes da Marvel que conhecemos, mas na maior parte das vezes que tem as piadas, elas possuem contexto, não são piadas jogadas aleatoriamente como em alguns filmes anteriores, é mesmo um filme de assalto e ação com humor na medida certa como foi dito que seria, o desenvolvimento da relação entre o Scott e sua filha é muito bem desenvolvido, as referências sutis sobre o Homem-Aranha, uma boa participação do Falcão que não aparece apenas para lembrar que o Homem-Formiga vive no mesmo mundo dos Vingadores, a explicação do porque o personagem principal ser o Scott Lang e não o Hank Pym, enfim, é tranquilamente um dos melhores filmes da Marvel Studios.




Então vá assistir ao cinema assistir o Homem-Formiga que você não irá se arrepender, lembre-se, todo filme da Marvel tem cena no meio dos créditos e uma após o final dos créditos, uma faz uma ligação direta com o próximo filme Capitão América: Guerra Civil e a outra já faz um gancho para uma sequência do filme e maior desenvolvimento de um dos personagens.

2 comentários :

  1. Este foi um filme muito bem sucedido, e até mesmo um dos mais divertido que eu gostava e o papel desempenhado pelo actor grande Michael Peña, não conseguia parar de rir. Espero que haja uma continuação da história!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Camila, obrigado pelo comentário, realmente o Michael Peña está bem demais no filme, ele é realmente um ótimo ator, que sabe interpretar tanto papéis caricatos como em Homem-Formiga, ou personagens sérios e dramáticos, um ator bem versátil.

      Vai ter continuação sim, se não me falha a memória, sai em 2019 com o nome de Homem-Formiga & Vespa (a Hope, filha do Hank Pym, personagem da Evangeline Lilly).

      Mais uma vez obrigado pelo comentário e volte sempre.

      Excluir